Alerta totó

E quando vais à procura do calendário do Advento que fizeste há dois anos para guardar as peças do presépio que elas vão montar até ao dia 24 e não o encontras em lado nenhum? Não está onde devia estar e é muito pouco provável que esteja  noutro sítio. Puxas pela cabeça e lembras-te vagamente – tão vagamente que parece um sonho – de, no ano passado, o calendário ter ficado sujo com alguns rebuçados e chocolates que derreteram, de o teres posto a lavar e de a coisa não ter corrido bem. Vêm-te à memória uns números deslocados e umas janelas descosidas. Qualquer coisa desbotada. Não te lembras concretamente de o ter deitado fora, mas conhecendo-te como te conheces, sabes que é perfeitamente possível.

E, em pleno dia 1, a pergunta dominante é “Será que o deitei fora?”, seguida de “E agora, o que é que eu faço agora??”

Prático como sempre, ele diz-me “Então, agora vai haver uma caça ao tesouro todos os dias.”

Prático como sempre, tranquilo como sempre. Eu sinto-me a idiota-mor. Mas agora já sei o que vou pedir ao Pai Natal: mais memória e sentido de organização!



(Vi estes calendários numa loja em Roma. Custavam 25€. Vou sempre a tempo de fazer um igual para o ano. Se não contar com as horas do meu trabalho, conseguirei fazê-lo por menos. Olhem, bom advento, sim?)

Calendário do Advento 2016

Se quisermos ser precisos, o Advento começou no domingo passado, mas o calendário do Advento só se abre no dia 1 – já amanhã! Este ano decidi que queria fugir ao hábito de encher o calendário, alternadamente, com apenas chocolates e prendinhas (aka tralha) como nos outros anos. A avó ofereceu-lhes um calendário de chocolates a cada uma, por isso não vou pôr nenhum doce no nosso calendário de família. Como não temos ainda nenhum presépio (a não ser uma figurinhas tipo matrioska que comprei há uns anos), lembrei-me de procurar no OLX por presépios usados da Lego ou da Playmobil. Encontrei este e comprei-o, não necessariamente pelo melhor preço do mundo, mas eu sou péssima a negociar…

Assim, todos os dias vão ter uma ou duas figurinhas para irem construindo o presépio aos poucos até ao dia de Natal. E assim ficamos com um presépio que também serve para brincar ao longo do ano!

Mas há imensas ideias na net que podem usar para o vosso calendário do Advento e que não tem necessariamente de passar por doces ou bonecada! Vejam este Trasgo cheio de desafios para a família. Ou estas ideias da Pumpkin de actividades giras para os miúdos.

Bom, confesso que isto de todos os dias ter coisas super giras para fazer e criar e inventar que envolvam uma doses extra de criatividade e energia depois de um extenuante dia de trabalho, durante 24 dias de um mês que, já de si é cansativo (jantares de Natal, encontros de Natal, prendas de Natal, amigos imigrantes que nos visitam nesta altura, anos da Inês, anos do pai, noite de Natal…), não é coisa que me faça esfregar as mãos de contente. Aliás, fico cansada só de ler algumas destas actividades. Se fosse eu – e se não tivesse tido a feliz ideia do presépio – este ano fazia algo do género de coisas que escrevo nos Quantos-Queres da Inês:

  • Fazer uma rima
  • Saltar dez vezes ao pé coxinho
  • Dizer o nome de 5 animais aquáticos
  • Cantar uma canção
  • Inventar uma dança (coreografia rápida de dez segundos)
  • E outras coisas simples que divirtam os miúdos com menos de 6 anos e não cansem muito a mãe.